sábado, 2 de novembro de 2013

Íntima


No vão das minhas pernas corre um rio;

Peixes vermelhos vão contra a correnteza

E a espuma se assemelha a uma grinalda.

 
Que não se engane o nadador desavisado:

Águas translúcidas também são caudalosas.

 
Um pouco acima, o baixo-ventre é um arvoredo

E aves raras vivem livres por ali;

Desfrutam dúbias, entre prazer e medo,

Do risco das sementes venenosas.

 
Meu corpo todo é animal, até o rio;

É tudo vivo e tudo ruge, até os peixes...

 
E nos meus seios, nos meus olhos, nos meus braços,

Tento conter a fúria que abrevio:

O que eu quero é carne tenra entre os meus dentes.



(Fernanda Dannemann)

 

7 comentários:


  1. Mais um belo cometimento da nossa talentosa bloguetisa (blogueira+poetisa... para facilitar rs).
    Coincidentemente estava ouvindo a música (minha mais perfeita companheira, assim como livros, imperfeitíssimo que sou, com propósitos de ser inteiro) OUTRAS PALAVRAS do genial (como compositor) Caetano. Então, ai vão outras palavras , não dele, que suponho oportunas:

    A palavra é o próprio homem. Somos feitos de palavras. Elas são nossa única realidade ou, pelo menos, o único testemunho de nossa realidade.”

    A palavra quando é criação desnuda. A primeira virtude da poesia tanto para o poeta como para o leitor é a revelação do ser. A consciência das palavras leva à consciência de si: a conhecer-se e a reconhecer-se.”
    ―Octavio Paz

    “Pensamento e palavra: nem sequer os nossos pensamentos podemos traduzir inteiramente por meio das palavras.”
    ―Friedrich Nietzsche

    Neste caso, nietzschianamente, se faz poesia e/ou arte, como você fez.


    Santé e axé!
    Marcos Lúcio

    ResponderExcluir
  2. Fernanda,

    Sua poesia me fez lembrar do Salvador Dali...... Bravo!

    Bjus

    Gilda Bose

    ResponderExcluir
  3. Fiquei toda prosa com os comentários....

    ResponderExcluir
  4. Muito ruim esse poema. Melhoras para o próximo. Beijos

    ResponderExcluir

Dicas para facilitar:
- Escreva seu nome e seu comentário;
- Selecione seu perfil:----> "anônimo";
- Clique em "Postar comentário";
Obrigada!!!!!